HISTÓRICO DA ESCOLA

HISTÓRICO DA ESCOLA DE ENSINO MÉDIO CORONEL MURILO SERPA


A Escola de Ensino Médio Coronel Murilo Serpa (desde 2008, pois antes era Escola de Ensino Fundamental e Médio Coronel Murilo Srepa) pertence a rede pública de ensino, é mantida pelo o governo estadual do Ceará e subordinada técnica e administrativamente aos órgãos competentes da SEDUC – secretaria de educação básica do estado, representada em Itapipoca pela 2ª CREDE.

Esta sediada à rua Anastácio Barroso Valente, 318, Bairro cruzeiro e presta serviços educacionais para a comunidade dos Bairros do Cruzeiro, Júlio I e II, Violete, Coqueiro, Maranhão , Bairro das Flores, e localidades como Lagoa da Cruz, Jardim, Bruziguim, Poço Verde e outras.

A mesma foi fundada em 03 de março de 1975 pelo decreto nº 11.493 e publicada no diário oficial de 30 de outubro de 1975.

Recebeu este nome em homenagem ao então Secretario de Educação da época Coronel Murilo Valdeck de Menezes Serpa. Era governador do estado do Ceará o Coronel Adauto Bezerra e Prefeito do Município de Itapipoca, o Sr. Gerardo Azevedo, que foi doador do terreno para a construção da escola.

No seu primeiro ano de funcionamento foram matriculados 203 alunos, distribuídos em doze turmas, tendo como primeiro diretora a professora Maria de Fátima Barroso Bezerra.

Os professores a prestarem seus primeiros serviços em prol da educação da escola Murilo Serpa foram os seguintes:

VANIA BARBOSA – ONIZA MESQUITA – GRAÇA SILVA – MARIA AUGUSTA CUNHA JÚLIA PRIMO – MARIA DAS GRAÇAS CAMELO – FRANCISCA FREIRES BRANDÃO – FÁTIMA BARBOSA CARVALHO – RITA BRAGA DE CASTRO – VERA RAMOS – MARIA DAS GRASÇAS MAIA E MARIA TEREZA ALVES.

Fizeram parte do primeiro quadro de funcionários as seguintes pessoas:

SEBASTIANA MELO – ÂNGELA MESQUITA – HERBENE BARROSO – CRISTINA VIANA – LEONOR CASTRO GOMES – MARIA BARROSO PONTES – FÁTIMA NEVES – APARECIDA SOARES FROTA – IVONE ALVES BARROSO – TEREZA BARROSO CUNHA – FRANCISCO ROSA PIRES E FRANCISCO BARROSO.

Em 1978, assumiu a direção da Escola Murilo Serpa, por um período de 06 anos, a professoras Socorro Maria Moreira do Carmo. Desenvolveu um intenso trabalho pela educação do jovem itapipoquense implantou o sistema de Telensino TVE, contando a 1ª turma com 42 alunos, ampliou os turnos implantando  o intermediário, aumentando, assim, de 12 para 17 o numero de turmas. Muitas construções foram feitas, como a 1ª sala específica para pré-escolar das escolas estaduais e a construção de mais 06 salas de aula . Deixou a direção da escola em setembro de 1984 por decreto do Governador do Estado Luiz de Gonzaga Mota, contava a escola, este ano com 1727 alunos.

Com a exoneração da professora Maria Socorro Moreira do Carmo, no ano de 1984, assumiu a direção por um período de 03 anos e 10 meses, o professor Manoel Berlamino Pereira.

No ano de 1985, implantou na escola o sistema convencional, criando mais opções de estudos para os jovens, implantou no ano de 1987, o 2º grau do curso pedagógico.

Aquisição de equipamentos mobiliários, a construção de 4 salas de aulas, implantação da sala de leitura e biblioteca, iluminação da quadra esportiva e a construção de uma cisterna e de mais uma quadra de esporte, foram obras fundamentais da gestão do professor Manoel Berlamino Pereira que deixou a direção da escola em junho de 1988, por decreto do Governador do Estado Tasso Jereissate. Neste ano, o numero de alunos matriculados era de 1681.

Por nomeação do governador do estado, assumiu a direção da escola Murilo Serpa, em junho de 1988, a então vice-diretora Maria de Jesus Praciano Sousa.

Na sua gestão executou muitas reformas na escola como: troca de janelas, portas e portões, troca de telhado de varias salas, reforma de banheiros aquisição de equipamentos usados até hoje.

A professora Maria de Jesus deixou a direção da Escola Murilo Serpa em 1º de novembro de 1995, com um total de alunos de 1.358 alunos, distribuídos em 39 turmas.

Em 10 de novembro de 1995, assumiu a direção geral da Escola Murilo Serpa, a professora Maria Viana Sousa, eleita por voto direto por um período de 3 anos.

A gestão da professora Maria Viana Sousa, mais conhecida por Erlene, foi marcada por mudanças bastante significativas na área pedagógica, entre as quais podemos citar: preocupação constante com a aprendizagem dos alunos, avaliação efetiva dos índices de fracasso escolar, promoção de eventos científicos e culturais como feira de ciências, semana cultural, apresentações artísticas, seminário de leitura, etc.

É importante ressaltar que foi também nesse período que se desenvolveu o processo democrático, trabalhando com ações articuladas e com participação ampla da comunidade escolar na tomada de decisões.
Nesse período, varias reformas foram executadas, dentre as quais podemos citar: reforma da biblioteca, sala de professores, sala de direção e secretaria, ampliação da cozinha, reforma das duas quadras de esportes e banheiros, construção de área coberta que dá acesso a entrada do colégio, reforma de sala para acomodar o laboratório de informática, construção de muro de proteção.

Podemos destacar ainda que foi nessa gestão que a historia da escola Murilo Serpa foi resgatada e documentada e no ano de 1996 foi comemorado, pela primeira vez, seu aniversario.

Em 1999 assumiu a direção da Escola Murilo Serpa o núcleo Gestor formado por:
Diretora Geral – Maria Zilfa Carneiro Urbano;
Uma Coordenadora Pedagógica – Francisca Joelma Teixeira Moura;
Uma Articuladora Comunitária - Ana Ely de Sousa Barbosa;
Um coordenador Financeiro – Marco Antônio Cunha Magalhães;
Uma secretária – Francisca Cilene Coelho Lima.


Esse grupo de trabalho assumiu a direção da Escola através de processo seletivo de provas e títulos e eleita pela comunidade escolar.

O referido Núcleo Gestor teve como meta de trabalho o princípio da preocupação constante com aprendizagem dos alunos e a melhoria das condições físicas da escola.

A professora Maria Zilfa Carneiro Urbano permaneceu na direção da escola por mais uma gestão de três anos (2002 a 2004), juntamente com a professora Maria Joelma Teixeira Moura (coordenadora pedagógica), Francisca Cilene Coelho Lima (secretária) e Marco Antônio Cunha Magalhães(coordenador financeiro) que pediu exoneração do seu cargo. No seu lugar ssumiu a professora Maria Neire Luna (coordenadora de gestão).

Em 2002 a escola foi beneficiada com a construção de uma quadra Poliesportiva e a aquisição de materiais e equipamento para laboratório de ciências. O Centro de Multimeios e a secretaria também receberam novas instalações e a escola passou a ter uma sala de diretoria, vale registrar também que nesta gestão foi produzido o Hino da Escola com letra de musica de Amauri Benevides.

Em 2005 um novo grupo assumiu a direção da escola, também através de processo seletivo de provas e títulos, tendo a diretora geral sido eleita pela a comunidade escolar e coordenadores e secretária indicada mediante lista tríplice.

A Professora Maria Lucivanda Pinto Soares – Diretora.
Professor Aécio Praciano Carneiro – Coordenador Pedagógico.
Professor Flavio Teixeira Nunes – Coordenador de Gestão.
Francisca Cilene Coelho Lima – Secretária.


A escola nesse período necessitava de varias reformas no prédio e renovação de materiais e equipamentos para garantir um bom funcionamento. No primeiro ano de gestão houve a construção de uma sala climatizada. Em seguida houve a preocupação de renovar as instalações das salas de aula (ventiladores, quadros brancos e birôs), da cantina ( instalações de armários), da sala dos professores, substituição do telhado de amianto do pátio coberto, aquisição de recursos didáticos pedagógicos( câmera fotográfica, microssistem, DVD), recuperação de pisos, mastros, além de novas instalações do laboratório de informática.

Este grupo teve como metas a autonomia escolar na gestão de seu projeto pedagógico, dos seus recursos administrativos financeiros, materiais e de pessoal. Desta maneira buscou:


Estimular a cultura da participação, do trabalho coletivo;
O fortalecimento das lideranças escolares;
Integração família – escola;
Melhoria da qualidade dos recursos didáticos pedagógicos, físicos e administrativos.

Nessa perspectiva, foi renovando gradativamente as instalações do prédio e melhorando a estrutura organizacional, adquirindo materiais e equipamentos com o intuito de melhorar continuamente a qualidade dos serviços educacionais oferecidos.

A escola passou a vivenciar a gestão integrada e ser monitorada através de diversos sistemas, SADRE, PAC, Documento da GIDE e avaliada constantemente por meio de SPAECE e SAEB, tendo sido incluída na política do governo estadual de avaliação do núcleo gestor.A partir do ano de 2008 a escola passou a atender apenas o ensino médio.

Dentro do processo de Gestão democrática da escola pública do estado do Ceará, em 2009 houve novamente eleições para diretores das escolas públicas estaduais, e foi reeleita para seu segundo mandato administrativo da Escola Murilo Serpa, a professora Maria Lucivanda Pinto Soares. A partir de 2009 a Escola passou a ter três Coordenadores Escolares. Escolhidos pela diretora e por uma consulta à comunidade. Em Maio de 2009 ficou constituído assim o Núcleo Gestor:

Diretora Geral : Maria Lucivanda Pinto Soares.
Coordenador do Desempenho Acadêmico : Flávio Teixeira Nunes.
Coordenador da Ação Curricular e Protagonismo Juvenil : José Rinardo Alves Mesquita.
Coordenadora da Integração dos Ambientes de Aprendizagem : Verônica Maria Magalhães Alves.


A escola tem como Missão desenvolver um trabalho cujo objetivo é contribuir para a formação do homem contemplando-o em suas múltiplas determinações, garantindo-lhe serviço de qualidade e excelência em tudo aquilo que faz e pelo modo que faz, através da participação de todos nas atividades escolares. Os Valores que procura desenvolver a partir do trabalho que realiza é educar para a solidariedade, a excelência, a honestidade, a justiça, a participação, valorizando o aluno como ator principal e construtor de sua própria aprendizagem. Esta missão e os valores mencionados são a base filosófica contemplada no seu Projeto Político Pedagógico que é baseado numa visão de Mundo, de Educação e de ser humano pluridimensional, valorizando e trabalhando em prol de uma formação integral do educando, preparando-o para a vida e o mercado de trabalho, concebe um currículo multicultural e flexível, construído mediante um processo de gestão democrática, a partir das orientações dos Parâmetros Curriculares Nacionais, Matrizes Curriculares e Referenciais Curriculares para o Ensino Médio do Estado do Ceará.

Atualmente a escola possui uma área de 10.000m² e uma estrutura física capaz de oferecer um serviço de qualidade aos nossos educandos com ambientes bem equipados de laboratórios de informática, laboratório de ciências, sala de projeção de vídeo, biblioteca estruturada, quadra poliesportiva, pátio, sala dos professores, sala do grêmio, rádio escolar, sala da coordenação, diretoria e secretaria. Temos colegiados fortes e atuantes como o Conselho Escolar e o Grêmio Estudantil, além de diversos núcleos de cultura e de representantes de turma formado por alunos. O Protagonismo Juvenil é um Projeto intensamente vivenciado no seio da comunidade escolar por meio de vários Núcleos: Núcleo de Estudos Interdisciplinares, Núcleo de Comunicação e Marketing, Grupo de Teatro, Núcleo Gestor de Turma. Contamos ainda com um corpo docente de profissionais qualificados que atuam em áreas específicas do conhecimento. Desde o ano de 2008 respondemos também pelo ensino médio dos anexos do Barrento, Bela Vista e Lagoa das Merces. Trabalhamos em torno da construção de Competências, Habilidades, Posturas e Valores. Em cada série, priorizamos e direcionamos práticas pedagógicas específicas a fim de consubstanciar processos de intervenção eficazes, capazes de legitimar espaços de aprendizagens significativas. Nas turmas de 1º Ano do Ensino Médio, temos um projeto voltado para a Formação Cidadã do Educando com vistas a um projeto de vida construído ao longo de todo o Ensino Médio. Nas turmas de 2º Ano, vivenciamos uma preparação de vida e continuidade dos estudos com vistas ao mercado de trabalho, vestibular e vivência ética. Já o Currículo do 3º Ano foi redimensionado numa perspectiva da valorização do vestibular, concursos públicos, ENEM e demais avaliações externas, aliadas a um compromisso ético e de valorização do ser humano em suas múltiplas dimensões.

Este estabelecimento de ensino hoje se prepara para o futuro. O núcleo gestor, a congregação de professores e funcionários estão sempre em busca de ofertar o melhor no atendimento ao público e se tornar uma escola de referência.

Postado por Aloízio Teixeira Santos.


Murilo Serpa 38 anos em 2013!!!